mais do mesmo…

Hoje acordei, por qualquer razão transcendental, feliz e contente da vida apesar de ter passado a noite a lutar com pesadelos. Esta quinta-feira vou a portugal e regresso Domingo. Talvez a minha felicidade venha daí. Estou entusiasmado com esta deslocação mas também não consigo deixar de ter alguns sentimentos opostos. Vou guiar 3 horas até ao aeroporto de Cologne sendo que tenho de sair de casa às 4h30 da manha e estacionar o carro o mais perto possivel do aeroporto. Antecipo uma aventura… Quem sabe mais material digno de blog. No fundo, e apesar da correria, sei que vai ser muito bom. Existe quem se queixe por ter de fazer 3 horas de caminho para ir a casa. Os alemaes a estagiar cá estao sempre a dizer que têm de fazer 3 horas para ir a casa. Eu até Março preciso de 7 horas para ir a casa e outras 7 para regressar e depois disso nao sei como será… Desta vez o Sebastian também vai pelo que sempre dá para fazer o caminho a parvejar. Estes diazinhos vão saber bem mas detesto check ins. Aprendi a odiá-los. Quando é para ir de férias tudo tem outro encanto.

Vai ser a segunda vez que o Sepp anda de avião e nunca viu o atlântico. Achei curioso o modo como falou do oceano como se tratasse de um objecto longínquo e quase inantingivel. Para mim o oceano está sempre presente, acho que é de ser Português. Nascemos e crescemos ao lado dele e transportamo-lo sempre conosco. Tomo-o naturalmente por garantido e faz parte de mim. Algo que nunca me tinha apercebido até vir para cá. Acho que ele estranhou o facto de eu não contar as vezes que ando de aviao e nao saber dar o número exacto, não me lembro precisamente quando é que deixei de contar mas um dia destes tenho de fazer a contabilidade só por curiosidade e pelo impacto de poder dar um número preciso e parecer petulante apenas por esse facto. Hoje tou em dia “Sim” e acordei com uma estúpida vontade de ouvir o Regeneration dos Divine Comedy. Tenho o iPod carregado e pronto. Só para que fique registado sao 7h40 da manha, tempo suficiente para acabar de escrever estas linhas, comer qualquer coisa e pôr-me a mexer…

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s